Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2018 > Confira o procedimento de emissão de Darf/DAS no REGULARIZE
conteúdo

Notícias

Confira o procedimento de emissão de Darf/DAS no REGULARIZE

Agora, o usuário deve acessar a nova plataforma para emitir os documentos de arrecadação
publicado: 20/09/2018 14h57, última modificação: 20/09/2018 15h07

Confira o procedimento de emissão de Darf/DAS no REGULARIZE

 

A nova plataforma virtual de atendimento ao contribuinte da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), o REGULARIZE, disponibiliza os mesmos serviços que já existiam no antigo e-CAC PGFN, porém com algumas novidades.

A principal mudança na prestação dos serviços está no procedimento de emissão dos Documentos de Arrecadação de Receitas Federais (Darf) e de Arrecadação de Simples Nacional (DAS). Agora, para emitir as guias de pagamento — próprias ou de terceiros — o contribuinte deve estar cadastrado e autenticado com login e senha (ou certificado digital) no REGULARIZE e acessar a opção “Pagamento”.

Em caso de emissão de Darf/DAS de parcela de parcelamento, o usuário deve informar o número da conta do parcelamento que deseja pagar. Este número pode ser consultado ao acessar o Sistema de Parcelamento (SISPAR) na opção “Adesão a parcelamento” no REGULARIZE.

 

Atenção!

O acesso ao SISPAR ativa um pop-up para permitir o redirecionamento ao sistema.

No Google Chrome, a permissão para desbloqueio de pop-up é concedida ao clicar em ícone na barra de endereços (conforme imagem abaixo) e selecionar a opção “Sempre permitir pop-ups e redirecionamentos de https://www.regularize.pgfn.gov.br”.

Regularize 1.jpg

 

No Internet Explorer, o usuário deve selecionar o botão “Opções deste site” e depois “Sempre permitir”, no rodapé da página, como mostrado abaixo:

Regularize 2.jpg

 

Já no navegador Mozilla Firefox, o contribuinte deve clicar no botão “Opções” e em seguida selecionar “Permitir pop-ups de www.regularize.pgfn.gov.br”, como na imagem abaixo:

Regularize 3.jpg

 

Cadastre-se no REGULARIZE

Para acessar o REGULARIZE, o contribuinte deve informar: CPF/CNPJ, e-mail, telefone, senha e frase de segurança. Fique atento, pois um Código de Verificação será encaminhado para o e-mail informado para validar o cadastro.
Se, ao acessar o sistema, a página permanecer na tela que apresenta a mensagem “Carregando...”, considere atualizar o navegador web em uso para uma versão mais recente.

Regularize 4.jpg

Acesse o Perguntas e Respostas Frequentes – FAQ e confira as principais dúvidas dos contribuintes.

 

Veja Mais

+ Procedimento de Exclusão do Pert está disponível no REGULARIZE

+ Nova plataforma de atendimento ao contribuinte da PGFN está disponível