Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2018 > Procedimento de Exclusão do Pert está disponível no REGULARIZE
conteúdo

Notícias

Procedimento de Exclusão do Pert está disponível no REGULARIZE

Contribuintes serão intimados por carta ou por edital publicado no sítio da PGFN, quando a notificação postal não for possível
publicado: 13/08/2018 18h38, última modificação: 22/08/2018 17h20

Procedimento de Exclusão do Pert está disponível no REGULARIZE

 

O Procedimento Administrativo de Exclusão de Parcelamento já pode ser acompanhado pelo contribuinte por meio do REGULARIZE. O procedimento é direcionado aos contribuintes optantes do Programa Especial de Regularização Tributária (Pert) que não realizaram o pagamento de três parcelas consecutivas, seis alternadas ou a última prestação do parcelamento — hipóteses de exclusão previstas nos incisos I e II do artigo 9º da Lei nº 13.946/2017.

O procedimento atende ao artigo 18º da Portaria PGFN nº 690/2017, que determina que o contribuinte nestas condições deverá ser notificado sobre a exclusão.

Por meio do REGULARIZE, após se cadastrar, clicando no menu Impugnar / recurso de exclusão, é possível apresentar impugnação, recurso e fazer o pagamento das parcelas em atraso, bem como acompanhar o andamento do procedimento.

 

 ezgif-3-13be96b274

 

Fique atento

A Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) enviará uma carta de notificação ao contribuinte em que informará sobre a instauração do procedimento administrativo, o fundamento legal da exclusão, além das parcelas e respectivos valores em atraso. A partir disso, o contribuinte deverá ficar atento aos prazos e às ações disponíveis:

 

Impugnação (1ª notificação)

O contribuinte terá 30 dias para apresentar impugnação ou pagar as parcelas em atraso, contados a partir do recebimento da carta — a PGFN terá ciência através do aviso de recebimento (AR). Caso o destinatário não seja encontrado, será publicado edital de notificação, no sítio do órgão, e o prazo para apresentar defesa começará a partir do 16º dia da publicação.

Para impugnar, é necessário acessar o REGULARIZE, no menu Impugnar / recurso de exclusão.

O pedido de defesa deve conter fundamentos que contraponham a exclusão do parcelamento e os respectivos documentos comprobatórios. Depois de apresentada a impugnação, o andamento e comunicação da decisão será realizada via REGULARIZE.

 

Recurso (2ª notificação)

Quando o contribuinte tem a impugnação indeferida, a PGFN encaminhará uma segunda carta de notificação comunicando a exclusão e dando ciência do prazo para apresentar o recurso.

O recurso também estará disponível ao cidadão que não se manifestou por meio da impugnação no prazo estabelecido. Funciona assim: após os 30 dias da primeira notificação, a PGFN enviará uma segunda notificação comunicando a exclusão e, a partir dessa comunicação, o contribuinte poderá apresentar fundamentos que invalidem a exclusão do parcelamento.

A partir da ciência dessa segunda notificação, o sujeito passivo terá 30 dias para apresentar recurso ou quitar integralmente o valor da conta do parcelamento, mantidos os benefícios de desconto.

 

Pagamento

A qualquer momento durante o procedimento, o contribuinte poderá regularizar sua situação e garantir a permanência no parcelamento. A emissão do documento de arrecadação (Darf) para o pagamento poderá ser feita no REGULARIZE, na opção Pagamento ou na opção Procedimento Administrativo de Exclusão de Parcelamento, mesma página em que é possível acompanhar o procedimento.

Para saber mais, acesse aqui as orientações!

 

 INFO_EXCLUSÃO_DO_PERT2-01